Vacina Zoster

HERPES ZOSTER



1 – O que é Herpes Zoster?


O zóster é uma erupção cutânea dolorosa, normalmente com bolhas. Também é chamada de Herpes Zóster ou apenas Zóster.
Uma erupção cutânea de zóster normalmente aparece de um lado do rosto ou do corpo e dura de duas a quatro semanas. O sintoma principal é dor, que pode ser muito grande. Outros sintomas do zóster podem incluir febre, dor de cabeça, calafrios e náuseas. Muito raramente, uma infecção por zóster pode levar à pneumonia, problemas de audição, cegueira, inflamação do cérebro (encefalite) ou morte.

Em cerca de 1 pessoa em cada 5, a dor grave pode continuar, mesmo depois de a erupção ter desaparecido. Isso é chamado de neuralgia pós-herpética.
O zóster é causado pelo vírus Varicela Zóster, o mesmo vírus que causa a catapora.
Apenas alguém que já teve catapora—ou, raramente, que tomou a vacina contra a catapora—pode ter zóster. O vírus fica no organismo e pode causar zóster muitos anos depois.

Não é possível pegar o zóster de outra pessoa com zóster. No entanto, uma pessoa que nunca teve catapora (ou nunca tomou a vacina contra a catapora) pode pegar catapora de alguém com zóster. Isso é muito comum.

O zóster é muito mais comum em pessoas com 50 anos de idade ou mais velhas que em pessoas mais jovens. Também é mais comum em pessoas cujos sistemas imunológicos estejam enfraquecidos por causa de uma doença como câncer ou por fármacos, como esteroides ou quimioterapia.


2 – Por que tomar a vacina?

Uma vacina para o zóster foi licenciada em 2006. Em estudos clínicos, a vacina reduziu o risco de zóster em 50%. A vacina também pode reduzir a dor em pessoas que ainda têm o zóster depois de terem sido vacinadas.


3 – Quem deve ser vacinado e quando?

. Uma única dose da vacina contra zóster é recomendada para os adultos de 60 anos de idade ou mais velhos.


4 – Quem não deve tomar a vacina?

Uma pessoa não deve tomar a vacina contra zóster se:
• tiver tido uma reação alérgica à gelatina ou à neomicina antibiótica ou a qualquer outro componente da vacina contra zóster. Diga ao médico se tiver alguma alergia grave. 

• tiver um sistema imunológico enfraquecido por causa de:
• AIDS ou outra doença que afeta o sistema imunológico,
• tratamento com fármacos que afetam o sistema imunológico, como uso prolongado de altas doses de esteroides,
• tratamento para câncer, como radiação ou quimioterapia,

• câncer que afeta a medula óssea ou o sistema linfático, como leucemia ou linfoma. 

• estiver grávida ou se tiver possibilidade de estar grávida. As mulheres não devem ficar grávidas até, pelo menos, quatro semanas depois de tomar a vacina contra zóster. 

• Algumas pessoas com uma doença aguda leve, como um resfriado, podem ser vacinadas. Mas, qualquer pessoa com uma doença aguda moderada ou grave deve normalmente esperar até se recuperar, antes de tomar a vacina. Isso inclui qualquer pessoa com uma temperatura de 37,5°C ou mais alta.


5 – Quais são os riscos da vacina?

Uma vacina, como qualquer remédio, pode possivelmente causar um problema sério, como reações alérgicas graves. No entanto, o risco de uma vacina causar um dano sério ou morte é extremamente pequeno.
Nenhum problema sério foi associado à vacina contra zóster.
Problemas leves
Vermelhidão, sensibilidade, inchaço ou coceira no local da injeção (em cerca de 1 pessoa em cada 3).
Dor de cabeça (cerca de 1 pessoa em cada 70).
Como todas as vacinas, a vacina contra zóster está sendo monitorada à procura de problemas incomuns ou graves. 



6 – E se houver uma reação grave?

Sinais de uma reação alérgica grave podem incluir manchas em forma de colmeia pelo corpo, inchaço do rosto e da garganta, dificuldade para respirar, batimentos cardíacos acelerados, tontura e fraqueza. Esses sintomas se apresentariam alguns minutos ou algumas horas depois da aplicação da vacina.


O que eu devo fazer?

Se achar que os sintomas indicam uma reação alérgica grave ou outra emergência que não pode esperar, leve a pessoa para o hospital mais próximo. Caso contrário, ligue para seu médico.