Viagem Segura

Capítulo I- Vacinas

Para que a criança viaje protegida é de suma importância que as vacinas do calendário de rotina da criança estejam atualizadas. Apesar de já termos a Poliomielite (Paralisia Infantil) erradicada e o Sarampo eliminado nas Américas, ainda existem países onde estas doenças continuam ocorrendo.

 Vacinas habituais, como a tríplice bacteriana (tétano,difteria,coqueluche), hemófilo, poliomielite, tríplice viral (sarampo,rubéola, caxumba), hepatite B, hepatite A, influenza (gripe),  varicela devem ser checadas e, se necessário, atualizadas.

Também são igualmente importantes as vacinas recomendadas de acordo com o destino da viagem, como febre amarela, febre tifóide, cólera e diarréia causada pela Escherichia coli enterotoxigênica, meningite meningocócica, poliomielite e raiva;  deve-se ainda levar em conta a vigência de surtos de doenças locais.

Vacina contra a Febre Amarela

Áreas de risco no mundo: África Sub Saariana, América do Sul e América Central.

Para deslocamentos internos no Brasil não há exigência da vacina contra a febre amarela, porém é da máxima importância que as pessoas viajem vacinadas para as áreas recomendadas pelo Ministério da Saúde.
 Áreas de risco para Febre Amarela no Brasil: todos os estados que constituem a Amazônia Legal: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins; partes da região nordeste (Maranhão, Sudoeste do Piauí, oeste e extremo sul da Bahia), do Sudeste (Minas Gerais, oeste de São Paulo e norte do espírito Santo) e do Sul (oeste do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul).
 A vacina confere imunidade por 10 anos. Deve ser aplicada pelo menos 10 dias antes da viagem. Está disponível nos postos de saúde pública e nas clínicas privadas que tem convênio com a ANVISA, sendo fornecido um comprovante no momento da aplicação. Para viagens internacionais é exigido um “Certificado Internacional de Vacinação contra a Febre Amarela”, que somente é expedido pela ANVISA (setor de portos e aeroportos) mediante apresentação do comprovante da vacinação.

 No Rio de Janeiro o posto da ANVISA fica localizado no Aeroporto Internacional Antonio Carlos Jobim.